Header Ads

Drogômetro começa a ser testado nas blitz em Brasília - DF



O equipamento capaz de detectar se o motorista fez uso de algum tipo de droga começou a ser utilizado pelo Detran do Distrito Federal nesse fim de ano.

O 'Drogômetro' identifica até oito substâncias ilícitas, entre elas a cocaína, ecstasy, maconha, benzolitico, opiáceos, anfetaminas (rebites) e outras. O teste é feito pela saliva ou suor do motorista.

O aparelho ainda está em fase de teste, por isso o motorista precisa se voluntariar para a realização do do procedimento durante a blitz, caso for detectado o uso de drogas, ele não pode ser multado ou autuado, mas um responsável deverá retirar o veículo em seu lugar. 

Após a regulamentação por parte do Departamento Nacional de Trânsito, o Denatran, o teste funcionará igual ao bafômetro.

A punição para o motorista que for flagrado sob efeito de substâncias ilícitas é de sete pontos na carteira, e a multa chega a R$ 2.937 reais.

O governo pretende implementar o aparelho em todo o território nacional. 









Tecnologia do Blogger.