Header Ads

Conheça a incrível história da onça de Itinga


Você certamente já viu alguma fotografia de caminhoneiros ao lado de uma onça, muitos alimentando com uma mamadeira e até mesmo crianças montadas em cima do animal.

Esses registros são da década de 70 no Posto Fiscal de Itinga(MA), onde morava o senhor Zé, proprietário do animal. Para poder tirar uma foto com o animal, os caminhoneiros pagam cerca de 50 mil cruzeiros, equivalente a R$ 18 reais atuais.

Origem do animal:

Onça foi vendida por um índio ao senhor Zé no início dos anos de 1970, apesar de ser um animal extremamente selvagem e até mesmo perigoso, a onça era dócil, adorava receber carinho e tomar leite na mamadeira.

Apesar de algumas fotos mostrarem o animal com uma coleira, na maioria das vezes o animal permanecia solto, mas como um cachorro necessitava de um coleira para ir de um lugar para outro.

Sua morte:

Na época as câmeras fotográficas possuíam flash muito fortes, com o passar do tempo as luzes prejudicaram a visão do animal que acabou ficando cego. A onça morreu próximo a 1980.

Durante todos os 10 anos que a onça viveu com seu Zé, o animal recebeu muito carinho e cuidados das pessoas, marcando para sempre a memória de quem teve a oportunidade de ver um animal selvagem se comportar como um cão de estimação que gostava de receber carinho.

Confira algumas fotografias da época:
















Tecnologia do Blogger.