Header Ads

Dicas de como cuidar a lona do seu caminhão

CONSERVAÇÃO E MANUSEIO
1 - Após cobrir a carga, fixe a lona à carroceria com os ganchos de fixação Master Lona.


2 - Para manter sua lona limpa e bem conservada, recomendamos que a limpeza seja feita somente com água e sabão neutro.

3 - Não utilize produtos quimicos como gazolina diesel, "limpa baú" etc

4 - Após cobrir a carga, fixe a lona à carroceria com os ganchos de fixação Master Lona.

5 - Não utilize cordas de amarração sobre a lona.

6 - Certifique-se de que a lona está bem presa.

7 - Procure manusear a lona em locais com superficie limpa e livre de materiais que possam danifica-lá


Como carregar o veículo


A carga deverá ser colocada do eixo traseiro para a frente, permitindo distribuição equitativa sobre os dois eixos. No caso de carga indivisível, é preferível que seja transportada deitada.



Carga mal distribuída, recaindo a maior parte sobre o eixo dianteiro e prejudicando a dirigibilidade do veículo, podendo, se muito pesado, empenar o chassi.


A carga, quando concentrada, deverá ser distribuída no espaço entreeixos do veículo, de tal forma que seu peso seja distribuído sobre os eixos, e sempre com a maior área de apoio voltada para o piso.

A carga que se concentra somente após o eixo provoca o empenamento do chassi. Jamais se deve carregar um veículo desta forma. O excesso de peso no eixo traseiro torna a direção leve, insensível e perigosa.

Ela deverá ser distribuída por igual, ficando a parte mais pesada sempre no meio, centrando o ponto de gravidade.

Nunca carregar de maneira desigual os lados da carroceria, pois o excesso de peso exigirá maior esforço da suspensão e dos pneus, provocando condições desiguais de frenagem, derrapagem e deformações no quadro do chassi.

Para cada tipo de carga existe um veículo adequado.
Cargas muito longas como postes, tubos, toras, etc, nunca devem ser transportadas em caminhão cuja carroceria não tenha as dimensões necessárias para tal.

Também no semirreboque a carga deverá ser distribuída de forma que o seu peso incida proporcionalmente sobre os de diversos eixos.

Uma carga indivisível sobre o eixo propulsor irá sobrecarregar e desgastar seus pneus, ocasionando má estabilidade do veículo e prováveis deformações no quadro do chassi.

A forma correta de acondicionar a carga transportada significa maior segurança e menor desgaste do veículo, além de evitar o excesso de peso nos eixos e as consequentes penalidades e medidas administrativas de trânsito adotadas nestes casos.

Da mesma forma, uma carga indivisível que recaia somente sobre o eixo traseiro do semirreboque irá causar falta de aderência das rodas propulsoras do veículo-trator, além de más condições de frenagem e desgaste dos pneumáticos do semirreboque.
Tecnologia do Blogger.